Eleições 2022: Bolsonaro lidera em Mato Grosso do Sul, segundo pesquisa

Se as eleições fossem hoje, a disputa presidencial no Mato Grosso do Sul teria o presidente Jair Bolsonaro (PL) à frente do ex-presidente Lula (PT) e do ex-ministro Sérgio Moro(Podemos). O Instituto Ranking Brasil foi ouvir eleitores sul-mato-grossenses sobre suas escolhas para 2022 em quatro simulações.

Espontânea

Na consulta espontânea, o atual presidente tem quase 7 pontos de frente: 26,20% contra 19,35% do petista. E ambos bens à frente de Sérgio Moro (5,30%), Ciro Gomes (3,50%), João Dória (2%), Simone Tebet (1,70%), Henrique Mandetta (1%) e Daciolo (0,50%). Outros citados somam 0,40% e 40,05% são os indecisos, os que votam nulo ou em branco e os que não responderam ou não sabem.

Estimulada 1

Em um cenário de consulta estimulada, com várias candidaturas na disputa, Bolsonaro aparece com 35% e Lula 25,20%. A concorrência continua distante: Moro (7,45%), Ciro (4%), Dória (3,40%), Simone (2,20%), Mandetta (1,50%), Daciolo (0,75%), e Rodrigo Pacheco (0,50%). Não sabem, não responderam, votam em branco ou nulo e estão indecisos 20%.

Estimulada 2

Em um cenário com quatro nomes na consulta estimulada na disputa, Jair Bolsonaro aparece com 40,20% e Lula 27,10%, Sérgio Moro (10,15%) e Ciro Gomes (4,55%). Não sabem, não responderam, votam em branco ou nulo e estão indecisos 18%.

Estimulada 3

Mas no caso de uma polarização, o atual mandatário, Bolsonaro, derrotaria o ex-presidente Lula com 13 pontos de vantagem: 47% a 34%.  Os eleitores indecisos, que não sabem ou não responderam e que votam nulo ou em branco somariam 19%.

Rejeição

Na consulta sobre em qual dos candidatos o eleitor ou eleitora não votaria de jeito nenhum, Lula é quem lidera as rejeições no Estado, com 37,20% das citações. Bolsonaro, em segundo, tem 24,65%. Na sequência vem Dória 14,75%, Ciro 12,90%, Mandetta 10,30%, Simone 9,40%, Moro 8,45%, Daciolo 7,50% e Pacheco 5.70%. São 11.85% os indecisos, não sabem ou não responderam e votam nulo ou em branco.

DADOS DA PESQUISA

O Instituto Ranking Brasil fez duas mil entrevistas de 10 a 14 deste mês de dezembro de 2021 em 35 municípios de Mato Grosso do Sul. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro máxima 2% pontos percentuais, para mais ou para menos. Pesquisa do tipo quantitativa, por amostragem, com aplicação de questionário estruturado em entrevistas por telefone, sistema CATI (Computer Assisted Telephone Interviewing) e presencial. Significa que todos tiveram a mesma chance de serem sorteados para responderem ao questionário.

SOBRE A EMPRESA DE PESQUISA

Instituto Ranking Brasil realizou, durante o ano de 2021, cinco levantamentos de dados em nível estadual e, neste sentido, espera ter contribuído para o processo eleitoral de 2022 de forma imparcial e com números precisos.

Em 2018, o Instituto Ranking Brasil foi a única empresa de pesquisa a acertar que haveria segundo turno em Mato Grosso do Sul, assim como os resultados para governador e Presidente da República.

Em 2020, o Instituto realizou pesquisas em 51 municípios, nos quais obteve o maior número de acertos, com destaque para a capital do estado. Mais recentemente, “cravou” o resultado da eleição da OAB/MS em novembro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *