PF e PGR investiga magistrados e advogados de MS em remessa de 3 Toneladas de cocaina por mês para Europa

Polícia Federal e PGR investiga organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. A investigação é desdobramento da Operação Areia Branca I que tem como alvos Campo Grande, Corumbá, além de Vitória, Serra e Itapemirim, municípios do Espírito Santo. 

As investigações tiveram início em 2018, após a Polícia Federal de Corumbá receber a informação que um dos narcotraficantes mais procurados do Brasil estava na Bolívia e, do país vizinho, enviava aproximadamente três toneladas de cocaína por mês ao Brasil.

Conforme levantamento feito pela PF e ABIN o grupo é composto por membros do Judiciário, Políticos, Empresários e Advogados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *